Um olhar misericordioso

Um olhar misericordioso

Jesus tem sempre um olhar misericordioso para contigo e convida-te a olhares os outros da mesma forma.

No passado dia 8 de dezembro, o Papa Francisco anunciou o início do Santo Ano da Misericórdia. Por isso, de que maneira consegues implementar este ano misericordioso no teu dia-a-dia?  Procura viver a tua vida estando sempre disposto a ter um olhar misericordioso, assim como o Pai tem para contigo.

Evangelho de S. João (Jo 8, 1-11)

Jesus foi para o Monte das Oliveiras. De madrugada, voltou outra vez para o templo e todo o povo vinha ter com Ele. Jesus sentou-se e pôs-se a ensinar. Então, os doutores da Lei e os fariseus trouxeram-lhe certa mulher apanhada em adultério, colocaram-na no meio e disseram-lhe: «Mestre, esta mulher foi apanhada a pecar em flagrante adultério. Moisés, na Lei, mandou-nos matar à pedrada tais mulheres. E Tu que dizes?» Faziam-lhe esta pergunta para o fazerem cair numa armadilha e terem de que o acusar. Mas Jesus, inclinando-se para o chão, pôs-se a escrever com o dedo na terra. Como insistissem em interrogá-lo, ergueu-se e disse-lhes: «Quem de vós estiver sem pecado atire-lhe a primeira pedra!» E, inclinando-se novamente para o chão, continuou a escrever na terra. Ao ouvirem isto, foram saindo um a um, a começar pelos mais velhos, e ficou só Jesus e a mulher que estava no meio deles. Então, Jesus ergueu-se e perguntou-lhe: «Mulher, onde estão eles? Ninguém te condenou?» Ela respondeu: «Ninguém, Senhor.» Disse-lhe Jesus: «Também Eu não te condeno. Vai e de agora em diante não tornes a pecar.»

Jesus não condenou a mulher adúltera. Também a ti Jesus não te condena por pecado algum. Da mesma forma, Jesus desafia-te a agires de igual forma para com aqueles que erram. Não sejas o primeiro a atirar a pedra, mas sê o primeiro a dar a mão.

Procura perdoar, em vez de condenar. Procura amar, em vez de odiar. Procura dar, em vez de receber.

Faz desta oração um tempo para te revestires pela misericórdia de Cristo, para que a possas transmitir aos outros.

Só és capaz de perdoar os outros, se te perdoares a ti mesmo. Só és capaz de perdoar a ti mesmo, se acreditares que Jesus te perdoa (Fr. Mike Schmitz)

Este é o ano da misericórdia. Será que consegues reconhecer o rosto de Cristo nos mais necessitados? Dar de comer a quem tem fome? Dar de beber a quem tem sede? Não te esqueças que Jesus também está nos mais pobres. Aliás, Ele mesmo se fez pobre. O que fizeres aos outros, também o fazes a Jesus (Mt 25, 40). Por isso, para que guardes esta misericórdia no teu coração, faz agora um tempo de silêncio.

Em que situações do teu dia podes cuidar de Jesus, cuidando dos outros?

SILÊNCIO


“The Good Lord is more eager to pardon a repentant sinner, than a mother is to rescue her child from the fire” (O Senhor anseia mais em perdoar um pecador arrependido, do que uma mãe em resgatar o seu filho do fogo) – St. John Vianney

À imitação do Senhor, será que anseias mais em saciar um necessitado do que uma mãe em resgatar o filho do fogo? Ou ficas-te pela indiferença? Imita o olhar de Jesus. O olhar misericordioso.

Misericordias Domini – Taizé ( A misericórdia do Senhor cantarei em cada dia)

Sede misericordiosos como o Pai – Jesus (Lc 6, 36).