Com Maria e José a caminho de Belém - Caminhada de Advento Semana 1

Com Maria e José a caminho de Belém – Caminhada de Advento Semana 1

Com Maria e José, a caminho de Belém…

Caminhada de Advento do Post-It

Depois, de no mês passado, o Post-it te ter desafiado a pensar naquilo que necessitas para te pôr a caminho, este mês, propomos-te que te faças à estrada, ao lado de Maria e de José, para chegares ao Presépio mais capaz de dexar que o Natal aconteça no teu coração. Por isso, ao longo destas quatro semanas que te levarão a Belém, lançaremos desafios concretos, a partir do Evangelho de cada domingo. A ideia é que possas fazer a caminhada lado a lado com José e Maria, de Nazaré até Belém e prepares o teu coração para que nele possa nascer o menino que aí vem.

Evangelho para esta semana Mt 24, 37-44 

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: «Como aconteceu nos dias de Noé, assim sucederá na vinda do Filho do homem. Nos dias que precederam o dilúvio, comiam e bebiam, casavam e davam em casamento, até ao dia em que Noé entrou na arca; e não deram por nada, até que veio o dilúvio, que a todos levou. Assim será também na vinda do Filho do homem. Então, de dois que estiverem no campo, um será tomado e outro deixado; de duas mulheres que estiverem a moer com a mó, uma será tomada e outra deixada. Portanto, vigiai, porque não sabeis em que dia virá o vosso Senhor. Compreendei isto: se o dono da casa soubesse a que horas da noite viria o ladrão, estaria vigilante e não deixaria arrombar a sua casa. Por isso, estai vós também preparados, porque na hora em que menos pensais, virá o Filho do homem.

Esta semana, Jesus convida-te a estar vigilante. Vigilante, significa atento, pronto a agir. Os escuteiros têm uma expressão interessante que te pode ajudar a perceber a vigilância de que fala Jesus: “Estar alerta”. Estar alerta significa estar atento a que te rodeia, para que, logo que seja necessário, possas agir em conformidade. A posição de Alerta, em todo semelhante à posição de um militar em sentido, é também a posição em que, no CNE, se está quando se quer prestar honras maiores a algo: daí os escuteiros estarem “em sentido” na leitura do Evangelho ou na Consagração.

Jesus convida-te, por isso, nesta primeira etapa a caminho de Belém, a estar alerta, isto é, vigilante e preparado para a Sua vinda. Nesta caminhada rumo ao Presépio, José e Maria tinha de assim vigilantes: o caminho era perigoso, havia assaltantes e, se já assim era, quanto mais não seria com uma mulher vulnerável como uma grávida. Por isso, o cuidado de José com Maria deve ter sido ainda maior…

E tu? Como vês a vulnerabilidade? Preocupas-te com os outros?

Esta semana, o Post-it propõe-te uma acção concreta: vai visitar alguém em situação de vulnerabilidade. Pode ser uma pessoa idosa, que viva sozinha, um doente, em casa ou no hospital, pode ser idosos num lar ou crianças num orfanato. Pode ser uma pessoa que tenha perdido um ente querido e esteja de luto. Mas vai visitar essa pessoa como se fosses visitar Jesus.

No final dessa visita, prepara o teu presépio, em casa. Coloca a gruta, faz a decoração e prepara tudo, de modo a que José, Maria e Jesus a encontrem preparado… Mas não coloques nenhuma destas três figuras, espera pela semana que vem e pelas futuras orações deste Advento.