A Fé vive de afeto

A Fé vive de afeto

A fé vive de afetoInformações

Título: A Fé vive de afeto – Variações sobre um tema vital
Autor: José Frazão Correia
Editora: Paulinas
Número de Páginas: 126
ISBN:   978-989-673-307-0
Ano de Publicação: 2013

 

 

Sinopse

«Deus não se quer impor como se impõem os poderosos, nem quer ser suportado como se suportam os coitadinhos. Quer ser livremente reconhecido como digno de confiança. Esta será a fé: o reconhecimento grato do dom de Deus experimentado na forma de uma justa relação afetiva.» in Paulinas

Comentário

Em Deus e por Deus somos “con-vocados”, in-vocados” e “pro-vocados”. Através destas três ‘vocações’ assumimos que é, através de Jesus, que podemos realmente viver em verdade e liberdade, independentemente do lugar e forma como O encontramos. É graças a esta vivência verdadeira e livre do Amor de Deus e no Amor de Deus que poderemos sonhar com a liberdade, tal como afirma o autor “…a felicidade parece desenhar-se mais como cidade a sonhar e a construir do que paraíso perdido a lamentar.”

Mas como responder, de forma concreta, a esta in-vocação? Como contrariar o visível desinteresse por parte da pessoas? Primeiro que tudo há que ir à raiz deste desinteresse, analisar em que medida não foi retirada a densidade humana do que e de Quem celebramos: ver em que medida não retiramos o Deus das coisas para celebrarmos as coisas de Deus… Afinal “A fé vive de afeto [que] é, pois, a linha que cose os textos deste texto.”

Filipa Oliveira