VIVER A HOSPITALIDADE - Encontro Europeu de Taizé 2018

VIVER A HOSPITALIDADE – Encontro Europeu de Taizé 2018

 

Jovens da diocese de Santarém participaram no Encontro Europeu de Taizé em Madrid.

 

A cidade de Madrid acolheu, pela primeira vez, o encontro europeu de Taizé, com o tema “Não esqueçamos a hospitalidade” que decorreu entre os dias 28 de dezembro de 2018 a 1 de janeiro de 2019.

O Papa Francisco escreveu uma mensagem aos participantes, apelando à “cultura do encontro”, num mundo “ferido” pela falta de hospitalidade. O Prior da Comunidade Ecuménica de Taizé, o Irmão Alois, referiu que é necessária uma globalização mais “humana”, denunciando que “não partilhamos verdadeiramente as nossas culturas, não ouvimos realmente os outros. Só queremos vencer, neste mundo globalizado, queremos ganhar alguma coisa, mas não descobrimos a riqueza dos outros”.

170 paróquias e milhares de famílias abriram as portas aos jovens que participaram no Encontro Europeu. Entre os 15 mil participantes, 600 representaram Portugal e nesse número um grupo da nossa diocese de Santarém marcou presença. A organização esteve às mãos da paróquia de Alcanede, incluindo jovens de Santarém, Almeirim, Alcanhões, Bugalhos, Romeira e Alcanede, tendo sido estes acompanhados pelo padre António Vicente.

A jovem Joana Alves de Alcanede esteve pela primeira vez neste encontro, deu testemunho dizendo: “nas melodias cantadas em uníssono, o silêncio marcante, a ajuda voluntária de milhares de famílias e paróquias e a enorme força da fé, fortaleceu a mensagem da hospitalidade.”

Maria Mendes de Santarém e voluntária no Encontro disse: “sinto-me com o espírito renovado para (re)começar o novo ano”. A experiencia de poder conhecer e partilhar a fé com outros jovens de diferentes países e culturas, ajuda-nos a repensar na nossa realidade e na marca de Jesus que queremos deixar nela”. A jovem voluntária acrescentou ainda o incentivo “de lutar pela união, numa Europa que vai estando cada vez mais dividida…”

André Carreira da paróquia de Bugalhos deu o seu testemunho com “muita alegria e coração” da experiencia transformadora do espírito de Taizé em Madrid. Grato pelo privilégio de participar, fez sentir que a aventura marcou pelos “momentos de alegria e foram tantos. Ficam também os momentos de oração e de entrega a Jesus, que dão força para viver cada dia com um sorriso nos lábios, porque nestes dias, em Madrid, Jesus esteve connosco, esteve no coração de todos aqueles jovens”. E acrescentou: “culturas diferentes, línguas diferentes, mas o que nos unia era o Amor de Deus!”

O próximo Encontro Europeu de Jovens vai decorrer na cidade polaca de Wroclaw, no final de 2019.