23 do mês em Janeiro!

23 do mês em Janeiro!

Este mês, o dia 23 calha na semana em que a Igreja reza universalmente pela Unidade dos Cristãos, com inspiração nas palavras de S. João: “Permanecei no meu amor e produzireis muitos frutos” (Jo 12, 5-9). Por isso, a sugestão de oração que te deixamos, este mês, é, a par de rezar pela JMJ2023, rezar também pela unidade dos cristãos.

A Semana de Oração pela Unidade dos Cristãos celebra-se no hemisfério norte nos dias 18 a 25 de Janeiro, terminando na festa da Conversão do Apóstolo Paulo. A primeira celebração desta oitava remonta ao ano 1908. Em 1968, o Conselho Mundial de Igrejas e o Secretariado para a Promoção da Unidade dos Cristãos (hoje conhecido como Pontifício Conselho para a Promoção da Unidade dos Cristãos) começaram a preparar oficialmente juntos o material da Semana de Oração. 

Este ano a preparação destes materiais foi delegada às irmãs da Comunidade Monástica de Grandchamp . É uma comunidade monástica de cerca de 50 irmãs provenientes das diferentes tradições eclesiais, países e continentes. Na sua diversidade, as irmãs são uma parábola viva de comunhão. Elas permanecem fiéis a uma vida de oração, vida em comunidade e acolhimento de convidados. As irmãs partilham a graça de sua vida monástica com visitantes e voluntários que vão a Grandchamp para um tempo de retiro, silêncio, cura e em busca de sentido de vida.  Esta Comunidade está profundamente unida à Comunidade de Taizé (mais conhecida entre os nossos jovens) seguindo a mesma Regra de Vida e Ofício de oração. 

Deixamos-te várias propostas de vigília das irmãs de Grandchamp, basta clicares aqui. Em alternativa, podes rezar também com a comunidade de Taizé. Caso queiras ir mais além, desafiamos-te a organizar um encontro que permita o diálogo aberto sobre as várias igrejas cristãs e que ajude a perceber que é muito mais o que nos une do que o que nos separa. Se conhecerem algum amigo cristão evangélico, pentecostal, batista, ortodoxo, etc., convida-o a rezar contigo.

O que muitas vezes causa divisão é o preconceito e a ignorância. Há muitos caminhos para seguir Jesus. Boa oração!

Atendendo às atuais circunstâncias da pandemia em Portugal, pedimos que não façam encontros presenciais.